Anuncie

Indicador mostra que micro e pequenos empresários enfrentavam dificuldade de crédito antes da pandemia do coronavírus

24/03/2020 - 16:03

O 84º Indicador de Atividade da Micro e Pequena Indústria de São Paulo mostrava que 45% dos empresários que tentaram algum financiamento não conseguiram obter crédito antes da pandemia

No domingo (22), o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciou a ampliação do crédito para micro, pequenas e médias empresas (MPMEs), por meio dos bancos parceiros, no valor de R$ 5 bilhões.

Contudo, micro e pequenos empresários já enfrentavam dificuldades de acesso a crédito antes do anúncio da pandemia do Coronavírus. Dados do 84º Indicador de Atividade da Micro e Pequena Indústria de São Paulo, encomendado pelo Sindicato da Micro e Pequena Indústria (Simpi) ao Instituto Datafolha, mostrava que 45% dos empresários que tentaram algum financiamento não conseguiram obter crédito.

A pesquisa

O Indicador de Atividade da Micro e Pequena Indústria de São Paulo, encomendado pelo Simpi e efetuada pelo Datafolha, é reconhecido como sinalizador de tendência. É importante salientar que 42% das MPI’s de todo Brasil estão em São Paulo.

A coleta de dados ocorreu entre os dias 13 e 29 de fevereiro de 2020.

A íntegra das 84 pesquisas Simpi/Datafolha, desde março de 2013, está disponível no site da entidade (http://www.simpi.org.br).

  Mais notícias