Revista LOJAS Papelaria - Edição 273

Revista LOJAS Papelaria - Edição 273

LOJAS PAPELARIA - MAIO 2018 25 NOVIDADES E DESTAQUES são muito mais resistentes e duráveis, têm um acabamento perfeito, sem rebarbas e perfeita estabilidade sobre a mesa”, garante a gerente de ma- rketing, justificando que a Acrimet possui um departamento de desenvolvi- mento de produtos que trabalha de maneira a oferecer ao mercado produtos originais, que superem as expectativas do consumidor, com design arrojado e ergonomia, para facilitar e organizar o dia a dia de maneira prática e efi- ciente, sem deixar o estilo de lado. “Infelizmente, temos algumas empresas que copiam produtos, porém com qualidade muito baixa, e oferecem ao mercado com o preço um pouco mais baixo. Resultado: os fabricantes que originalmente desenvolveram este pro- duto são prejudicados, os papeleiros têm ganhos menores e o consumidor adquire um produto de baixa qualidade. O mercado nacional seria muito beneficiado se todas as empresas que atuam neste segmento oferecessem produtos criativos e de qualidade, pois isso favorece tanto os fabricantes como os revendedores, e principalmente o consumidor”, lamenta Natália. A Chies Produtos optou, desde o início de suas atividades, pela utilização de matérias-primas 100% recicláveis, e pela utilização do polipropileno que, de acordo com seu diretor, Guilherme Chies, não libera metais pesados no meio ambiente e que tem, quando descartado, período muito menor de de- gradação do que o PVC, por exemplo. “É com estes materiais que todos os produtos da linha são fabricados. A Chies sente-se, assim, empresa amiga da natureza. Somos uma marca reconhecida no mercado como produtos de excelência para organização. Espaços menores de trabalho exigem melhor controle e organização. Os registradores AZ, pastas catálogo, pastas L, zip bags, protetores de documentos, atendem perfeitamente as necessidades do mercado atual.” A Dello tem um grande diferencial competitivo, conforme alana, que são suas três frentes industriais: laminação, cartonagem e injeção plástica. “Por isso, temos o maior mix do mercado da categoria e, logo, diversas propostas de produtos com materiais e acabamentos diferentes e a possibilidade de atender a diversas necessidades.” No caso da Waleu, os produtos da linha de organização são confecciona- dos com polipropileno (PP) ou poliestireno (PS). “São matérias-primas que ACRIMET O organizador de escritórios é o campeão de vendas da Acrimet. Possui 3 divisórias que permitem a organização de diversos assuntos. “É fabricado com matéria-prima de altíssima qualidade, sendo um produto robusto e elegante”, garante Natália. Disponível também na versão vertical. O porta revistas é outro produto de destaque. Ideal para organizar revistas, catálogos, periódicos, pastas etc. Sua parte de trás é aberta, permitindo a organização de materiais maiores que o produto. A Acrimet oferece também uma linha completa de organizadores de mesa, incluindo porta lápis, clips e lembrete em diversos modelos, porta cartão de visita, suporte para celular, suporte para fita adesiva e organiza- dor de gavetas. Uma ampla linha de caixas para correspondência também é fabricada pela empresa. “Ainda na linha de organizadores, oferecemos fichários de mesa, pastas, bibliocanto, pranchetas, uma linha completa de organi- zação de chaves e materiais escolares”, lembra a gerente de marketing. apresentam boa durabilidade, quando os produtos são utilizados da forma indicada”, ressalta Jacqueline Monteiro, do departamento de marketing. Home offices Jacqueline observa que houve um aumento de profissionais e empresas que optam pelo sistema home office e, por consequência, as pessoas ten- dem a retomar a cultura de preparar um espaço em casa para executar essas tarefas. Em contrapartida, as casas e apartamentos estão cada vez menores nas grandes cidades, surgindo a necessidade de otimi- zar todos os espaços de forma mais organizada e que facilite o dia a dia. “Seguindo essa linha, analisamos que houve um crescimento na busca pelos nossos produtos para organização, que antes eram uti- lizados apenas em escritórios, para a organização de objetos do lar. Uma grande colaboração nesse processo foi das personal organizers, que encontraram novas funções para esses produtos, adaptando-os às necessidades de cada pessoa.” Natália, da Acrimet, enfatiza que cada vez mais pessoas trabalham em casa e possuem um home office, e acabam procurando produtos mais bonitos, que quebrem um pouco aquele visual tradicional de escritório. “Além disso, esse consumidor não quer produtos de baixa qualidade, com acabamento ruim e aspecto de produto descartável, pois esses itens aca- bam fazendo parte da decoração da casa.” Outro ponto relevante de ser destacado, de acordo co0m Natália, é a procura cada vez maior por produtos coloridos, pois muitas pessoas os utilizam para decorar a casa e o home office com técnicas de “faça você mesmo”, muito em alta no momento. “A Acrimet prima pela alta qualidade e acabamento dos seus produ- tos, garantindo alta durabilidade e sofisticação no ambiente onde são utilizados. Uma caixa de correspondência Acrimet, por exemplo, pesa quase o dobro de outras encontradas no mercado, ou seja, possui qua- se o dobro de material na sua fabricação. A diferença que isso propor- ciona na qualidade e aparência do produto é muito grande”, completa a gerente de marketing.

RkJQdWJsaXNoZXIy MTY1MzM=